quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Fernando Moura-PP reclama da falta de segurança no município e pede mais atenção aos bairros Piçarra e Cirino

 

Para o vereador Fernando Moura-PP, os elesbonenses iniciaram o ano com muitos problemas, pois o mesmo sofreu assalto e mais recentemente o Banco do Brasil do município também foi assaltado. Para Fernando Moura, a cidade de Elesbão Veloso não está tendo segurança nenhuma, a nota é zero e péssima para a segurança pública no município.

O vereador pediu resultados a polícia do município, pois dos diversos crimes ocorridos na cidade nos últimos dias, nenhum foi solucionado até o momento.

Fernando Moura informou que já teve conversa recentemente com várias autoridades da cidade e do estado e que espera uma solução proveitosa na audiência com o secretário de segurança Fábio Abreu marcada para quinta-feira (16).

Para Fernando Moura, Elesbão Veloso hoje 'está a deus dará', refém dos bandidos e que a cidade está sendo tomada pelos bandidos, pois está vindo bandidos de todos os lados para executarem crimes em Elesbão Veloso. O vereador citou como exemplo o arrombamento no Banco do Brasil, quando na ocasião a quadrilha cortou os cabos de comunicação das redes de celulares, provedores de internet e dos canais de TV.

- Hoje está completando 31 dias que eu fui assalto, eu já mais imaginei que aqui em Elesbão Veloso eu iria passar por isso. A gente espera isso em Teresina, onde a probabilidade é muito grande. Mas aqui em Elesbão não. Nós vamos morar? Nos quatro cantos de Elesbão, a droga tá correndo solta e não temos pra quem recorrer. Eu estou indignado com essa situação. O poder público que se mobilizar, nós a Câmara, o poder legislativo, executivo e judiciário. Nossas crianças estão entregues para as drogas, precisamos nos unir para combater isso. O que passei em minha casa, eu não desejo pra ninguém, se eu tivesse um inimigo eu não desejaria para ele. Mas não tá fácil, a situação está uma calamidade total. E até hoje eu ainda estou aguardando os direitos humanos em minha casa.! Foram? Foi alguém? Não! Mas na família dos bandidos vai ter indenização de R$ 90 mil. Mas direitos humanos para o cidadão não tem. - Falou Fernando Moura.

Para o vereador hoje no Brasil, quem está preso é o cidadão que trabalha para ter dignidade. Para Fernando, os elesbonenses, tem que fazerem seu papel, se virem algo errado tem que denunciar. Ser hoje está desse jeito, imagina daqui a 10 anos.

Reivindicação do vereador Paulo França

O vereador afirmou que a revindicação do vereador Paulo França, é válida pois na Piçarra a situação está uma vergonha e o bairro está desassistido.

- Eu já tive uma oportunidade de conversar com o prefeito, sobre uma empresa que levou o dinheiro, foi se embora e nunca mais apareceu, não vou citar nome de rua, porque posso esquecer uma e existem várias com gambiarras e faltando postes de iluminação pública. Ruas com poste de madeira, tem pessoas fazendo poste de cimento, porque a Eletrobras não os coloca, mas atrase dois talões que ela corta seu fornecimento de energia. Eu o prefeito já me falou sobre a empresa que é a responsável pelos calçamentos, porque de duas uma, ou a empresa devolve o dinheiro ou vem terminar a obra.

O vereador cobrou calçamento no bairro Cirino, em um trecho da rua Eurípedes de Aguiar

- Foi uma das minhas primeiras reivindicações, isso há 8 anos. Então são coisas que está tendo morosidade. Falta de empenho não é não, eu tenho certeza. - Afirmou Fernando Moura


Transportes de Carnes denunciado pelo vereador Paulo França

Sobre o transporte da carne, denunciado pelo vereador Paulo França-PSB, o vereador Fernando Moura, revelou que a empresa responsável pelo transporte de carne deverá ser a mesma empresa que faz a limpeza pública.

 - A empresa que for ganhar a licitação para a limpeza pública é a mesma que será responsável por isso também. Porque na atualidade o transporte já não é feito também com qualidade, aquela carrocinha também não é adequada é o que temos no momento. Estou falando aqui, supondo, acredito que se deve resolver nos próximos dias. - Finalizou Fernando Moura.

Nenhum comentário:
Write comentários